Contratação de motoristas: como fazer?

O processo de contratação de qualquer funcionário é repleto de desafios. Além de verificar as aptidões e habilidades do profissional e o alinhamento com o cargo a ser preenchido, o processo de seleção é fundamental para a manutenção do clima organizacional e para lucratividade de qualquer companhia.

Na área logística, por exemplo, algumas posições são fundamentais para o desempenho de uma empresa, principalmente, àqueles cargos diretamente relacionados ao relacionamento com clientes, cuja visibilidade é significativamente maior do que outras posições administrativas.

O processo de contratação dos motoristas é um ótimo exemplo disso. Por estarem em constante contato com clientes e potenciais consumidores, são grandes representantes da marca, influenciando consideravelmente a formação de opiniões positivas e negativas acerca da organização onde atuam.

Pensando nisso, no artigo de hoje mostraremos 4 aspectos a serem observados na hora de contratar um motorista para a sua operação de transporte, afinal, este é um cargo de grande responsabilidade.

No artigo de hoje, falaremos sobre:

  • Qualificação profissional
  • Histórico profissional
  • Experiência
  • O processo de seleção

Qualificação profissional

Encontrar profissionais qualificados, com boa formação técnica, além de treinados para exercer a função é um grande desafio. Infelizmente, em um processo de recrutamento e seleção a palavra do candidato não é suficiente. É preciso testar as habilidades dos candidatos na hora de contratar novos motoristas para compor seu time.

Sendo assim, é preciso que o aspirante ao cargo demonstre domínio intelectual e técnico em conhecimentos como:

  • Direção defensiva;
  • Legislação de trânsito;
  • Partes e funcionamentos de um veículo;
  • Conhecimento básico de mecânica;
  • Direção defensiva e econômica;
  • Conhecimento de primeiros socorros.

Além disso, é importante verificar se os candidatos sabem operar os veículos atuais, equipados com equipamentos modernos como GPS, softwares de gestão, roteirizadores, entre outros dispositivos.

Histórico profissional

Feita a triagem técnica, é fundamental verificar com outros empregadores, se esse procedimento for possível, o histórico profissional dos motoristas potenciais a preencherem o cargo.

Cheque referências, levante informações comportamentais junto a essas fontes, verifique o tempo de permanência do profissional nas últimas organizações por onde passou e, principalmente, o motivo de saída ou demissão dessas empresas.

Além disso, solicite atestado de antecedentes criminais e verifique o número de pontos na carteira, além de possíveis acidentes em sua jornada profissional, averiguando o motivo das ocorrências, sempre, por um viés racional.

Lembre-se: confiança, credibilidade e responsabilidade são requisitos fundamentais para escolha dos novos motoristas de sua frota, afinal, eles lidarão diretamente com seu patrimônio e com a reputação de sua marca no mercado.

Experiência

A experiência é um dos principais ativos no processo de contratação. Ainda que o candidato não possua ampla familiaridade com as novidades do setor, a experiência acumulada nos anos de profissão fará grande diferença no desempenho de sua empresa.

Alguns conhecimentos, somente a experiência é capaz de ensinar. Muitos imprevistos podem acontecer nas estradas, como pane veicular, tentativa de roubos e golpes, dentre outras. Um motorista com vivência e experiência terá bom senso e saberá agir nesse tipo de situação e em outras conjunturas suspeitas.

O processo de seleção

Por fim, ao desenhar o processo de seleção implemente-o de forma eficiente. Defina claramente o perfil da vaga, divulgue-a nos mais diferentes canais, justamente, para atingir o maior número de pessoas.

Descreva de forma clara e completa as características da vaga e todas as exigências por parte da organização, assim, desgastes, mal entendidos e contratações equivocadas que não atendam a demanda da empresa, não ocorrerão.

Além disso, no momento das entrevistas, explore áreas correlatas que influenciarão no desempenho do funcionário, como:

  • Rotina e história de vida;
  • Vivências no trabalho;
  • O que faz para relaxar;
  • Por quanto tempo trabalha com isso;
  • Dificuldades, pontos fortes e outros.

Conclusão

Como mostramos, o processo de contratação de qualquer funcionário, em especial dos motoristas, é muito importante para o bom andamento de suas atividades, tendo relação direta com a lucratividade da empresa e a formação de opinião do mercado a respeito da sua marca.

Agora que você aprendeu mais sobre esses 4 aspectos importantes no processo de contratação de novos motoristas, descubra tudo sobre como calcular o custo por km rodado dos veículos de sua frota.

Recent Posts